quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

TRE desconstitui sentença que absolveu vereador Nenê


A Justiça Eleitoral de São Gabriel reune-se na segunda-feira (10), às 10h30, para analisar o Processo envolvendo o vereador Paulo Sérgio Barros da Silva (Nenê - PDT), o atual prefeito Rossano Dotto Gonçalves,  o candidato a vice-prefeito da coligação Ricardo Lannes Coirollo e um funcionário do município Antônio Hélio Leites Bonetti, acusados de captação ilícita de votos.
O fato a ser julgado aconteceu no início do mês de setembro desse ano, em plena campanha eleitoral, quando populares fotografaram maquinários da prefeitura municipal e funcionários da mesma realizando serviços em uma propriedade particular, onde o vereador teria já adesivado as portas e vidraças da residência com o nome e número a qual estava concorrendo.

No primeiro momento a representação agilizada pela Coligação Renova São Gabriel foi julgada improcedente, com absolvisão dos envolvidos. O recurso encaminhado ao TRE foi procedente com a desconstituição da sentença de 1º Grau, tendo o processo retornado a origem para ser instruído. 
Para a audiência de instrução do próximo dia 10 já foram intimados todos os envolvidos. Caso o vereador venha a ser condenado em São Gabriel, dificilmente será absolvido no âmbito do TRE, uma vez que este já desconstituiu a sentença de 1º Grau que absolvia o vereador, assim como o prefeito e seu candidato a vice.