sábado, 26 de outubro de 2013

Coluna do Mainardi

Mais servidores
Lançamos, nesta semana, o edital do concurso público para a contratação de mais 130 fiscais agropecuários para a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio. A contratação destes novos profissionais das áreas de veterinária, engenharia agronômica e florestal, autorizada pelo governador Tarso Genro, vai fortalecer, ainda mais, o nosso sistema de defesa agropecuária, possibilitando entre outros avanços, uma
maior presença da fiscalização nas agroindústrias fiscalizadas pelo Estado. O que assegura a ampliação do beneficiamento de produtos primários de origem animal e, ainda, a garantia ao consumidor de produtos saudáveis. É mais renda para os produtores e mais um passo para o fortalecimento das cadeias produtivas do setor primário.

Combate ao abigeato
Estivemos, na última segunda-feira, em Alegrete para a instalação do segundo comitê regional de combate ao abigeato e ao abate clandestino. O comitê integra o programa do governo do Estado, que montou uma ação transversal, reunindo as Secretarias da Agricultura, Saúde, Meio Ambiente, Segurança Pública e Fazenda, para, em conjunto com os municípios e entidades ligadas ao setor primário, desenvolver operações que busquem diminuir a incidência daquelas duas práticas criminosas. Estima-se que no estado, atualmente, sejam abatidos clandestinamente 600 mil bovinos e 200 mil ovinos. Parte disso é fruto de abigeato. Os produtores perdem, a indústria estabelecida perde e perde o estado, sem falar nos prejuízos que uma carne sem fiscalização pode causar à saúde dos consumidores. Apostamos na unificação dos procedimentos, na integração dos serviços de informação e na atuação conjunta para reduzir estas condutas.

Safra do trigo
Estamos iniciando, oficialmente, neste final de semana, a colheita do trigo no Estado. Principal cultura de inverno, o trigo, nesta safra, deve apresentar uma boa produtividade média e produzir cerca de 2,7 milhões de toneladas, agregando ao PIB agropecuário mais uns R$ 2 bilhões. Esta é uma das culturas para a qual devemos intensificar políticas, visando diminuir a nossa dependência externa e possibilitar uma outra renda aos agricultores. Temos aproximadamente três milhões de hectares que podem e devem ser semeados com culturas de inverno. O Governo do Estado vem criando linhas de crédito e estabelecendo políticas de armazenagem para o grão, além de outras medidas discutidas na Câmara Setorial do Trigo, que coordenamos na Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio.
Estamos entregando, nesta semana, mais quatro Inspetorias de Defesa Agropecuária revitalizadas, beneficiando os produtores e os servidores da secretaria que atuam nos municípios de Sobradinho, Arroio do Tigre, Salto do Jacuí e Ibirubá.


Luiz Fernando Mainardi
Deputado Estadual / Secretário da Agricultura, Pecuária e Agronegócio