quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Eventos aumentam a movimentação de visitantes na cidade

Rede de hotéis comemora aquecimento no número de hospedagens

       Um balanço preliminar da Secretaria de Turismo, responsável pelas ações que envolvem o desenvolvimento turístico da cidade, revela que o movimento de pessoas aumentou, em média, 50% durante a semana de desenvolvimento da Expofeira Agropecuária de São Gabriel. De acordo com a secretária de Turismo, Denise Lisoski, o resultado final, que será divulgado esta semana, deve confirmar uma das maiores médias de público visitante em São Gabriel nos últimos anos.

Segundo o prefeito Roque Montagner, a presença turística deve-se a investimentos em infraestrutura e a qualidade das atrações. “Junto a isso, podemos ainda destacar as parceria com o Sindicato Rural, que organizou a Expofeira, e o Governo do Estado, que promoveu o Mutirão Social no último domingo”.
A Prefeitura Municipal – por meio das Secretarias de Serviços Urbanos, Obras, Transportes e Agricultura – garantiu a estruturação do Parque, desde limpeza à demarcação de estacionamentos, reparo das vias e de bueiros para drenagem pluvial.
Os números são favoráveis e otimistas para a rede hoteleira de São Gabriel, bares, restaurantes, lancherias, postos de abastecimento e vendedores ambulantes, desde o pipoqueiro. Os cinco maiores estabelecimentos da cidade informam aumento no número de hospedagens, com índices que variam entre 30 a 50% na maioria dos casos. No Hotel Obino, no centro, na sexta-feira (25/10), a lotação era completa. Segundo a gerente Meire Goulart, durante a semana houve um aumento de 100% no número de hóspedes.
No hotel, além da atração de sexta-feira, o cantor Gabriel Valim, (no Parque de Exposições), também estavam hospedados os integrantes da empresa GDO Produções.
O Hotel São Luiz registrou 50% a mais no movimento. Segundo o recepcionista Isaias Cabreira, a média normal varia em torno 50% do limite máximo de hospedagens. Ele acredita que o aumento é o resultado da presença de pessoas ligadas a Exposição Feira.
Os hotéis Glória e Caçula, também no centro da cidade, trabalham com aumento no fluxo de pessoal variando entre 20%. A recepcionista Tanisa Barbosa, do Glória, credita o aquecimento no número de hospedagens ao número de empresas presentes na Feira, “pois recebemos vários empregados de prestadoras de serviços”. Já a proprietária do Caçula, Vera Regina Bicca, destaca a iniciativa, tanto do governo quanto de empresários, em promover grandes eventos. “Tem que ser sempre assim, pois repercute positivamente no nosso setor”, comentou.
O Hotel San Isidro, único fora da região central, mantém uma média diária que varia entre 5% a 10% de ocupação da área total. Na sexta-feira (25/10), segundo o recepcionista Douglas Lange, essa média havia aumentado para 25%, com a possibilidade de chegar a 30% no final de semana.
A empresa recebeu no sábado o cantor Luan Santana e toda a equipe técnica. Além disso, o hotel tinham reservas de excursões para o show, no sábado, e para o Mutirão Social, no domingo.