sábado, 26 de maio de 2012

Briga em família: prefeito e vereador vão parar na Polícia


Uma desavença entre o prefeito de Vila Nova do Sul Sérgio Coradini e seu irmão, Guido Coradini, que é presidente do Legislativo, foi parar na Delegacia de Polícia. Na foto acima, prefeito Sérgio de camisa branca (E), Guido, camisa amarela (D).
Conforme o inspetor Emerson Ferreira da Rosa, que registrou a ocorrência, a briga aconteceu na rua próxima a Cotrisel do município. A discussão começou por causa da internação hospitalar de uma moradora da comunidade que teria tentado suicídio, ingerindo medicamentos antidepressivos. A mulher teria sido encaminhada para atendimento em São Sepé, onde existe um convênio com Hospital Santo Antônio, e acabou morrendo.
O vereador Guido Coradini teria feito um contato telefônico com o irmão e cobrado dele sobre o atendimento da paciente que veio para São Sepé, questionando o convênio que a Prefeitura mantém com o hospital, que antes era feito na Santa Casa da São Gabriel.
Mais tarde, os dois se encontraram próximo ao Setor de Consumo da Cotrisel e começaram a discutir, partindo inclusive para agressão física. Conforme o inspetor da DP de Vila Nova do Sul, Emerson da Rosa, o vereador Guido Coradini representou contra o irmão. Os dois prestaram depoimento na Delegacia de Polícia, onde foi instaurado um Termo Circunstanciado.
Guido Coradini é presidente do Legislativo de Vila Nova do Sul.





Fonte: Jornal do Garcia